Tuesday, June 8, 2010

Just gonna stand there and watch me burn
but that's alright because I like the way it hurts

10 comments:

said...

uhh, e que lindo está o reclame da Calvin klein!

House of Aia said...

é, eu gostei do sapato! haha
Muito bom o blog, nunca vi algo tão diferente, já to seguindo, espero que possa também.

Beijinhos, Bel.
houseofaia.blogspot.com

Meu Ego said...

Mais, actualiza mais. Ou isso é propositado?

Cumprimentos

IsauraQuevedo said...

I'm loving this freaking photo!!

Denise Fernandes said...

deixei-te um blog award :)

Gilda David said...

Excelente foto, e excelente descrição (a musica é lindissima, uma boa junçao do Eminem com a senhorita Rihanna).
Gostei do blog, diferente e interessante :) Vou seguir ^^



-xx, e o resto de uma boa semana!

http://thecinderellatable.blogspot.com/

M said...

"I can't pay my rent, but I'm f*cking gorgeus"

semi precious weapons fan?
I'm in love with them since the GaGa concert

nice blog design btw!

Munky_P said...

Zé este blog tá extremamente desactualizado, ñ tou a gostar nada... faz favor d pôr os seus relatos em dia excelência :p

Bjs!

Charlie N. said...

Gostei do blog. Não posta mais?

L said...

"No dia em que eu me transformar num CD, serei aquele que tiver todos os temas que tu gostas. Serei um CD que demore muito a procurar, para rapidamente perceberes que será melhor se o deixares permanecer a teu lado, o tempo todo, para de quando em vez o ouvires a cantar para ti e o utilizares de forma cuidada. Para não me arranhares.
Serei um CD de edição limitada, raríssima, que não está à venda nas lojas habituais nem muito menos nos anúncios das Televendas. Serei o teu bem mais precioso, um CD brilhante, com as melhores críticas nos jornais especializados e que todos comentam à porta dos concertos.
Serei um CD só teu, para ouvires sozinha, quando todos se tiverem ido embora. Ansioso para que me tires da caixa onde permaneço embrulhado, na esperança de que me insiras na gaveta da aparelhagem e me ouças a derrubar o silêncio, como se te segredasse ao ouvido. E chega-te bem a mim para que eu te veja os olhos e põe o volume no máximo para me sentires bem alto e me descobrires a cada tema que passa. E só depois de me ouvires todo é que me podes fechar novamente, na triste escuridão de uma caixa de CD, que nada mais espera que não seja o outro dia, o da manhã seguinte, quando tu me abrires para ouvir outra vez.
E aqui estou, neste feliz repouso, vou já avisando que sinto ciúmes dos CD's da moda, desde os velhinhos rolling stones ao novo dos air. Que não suporto a altivez das colectâneas de sucesso nem muito menos dos CD's, que esperam vir a ser inquilinos do mesmo tecto. E, já agora, que não consigo disfarçar o ódio de estimação que tenho pelos CD's de música erudita que têm a mania que são mais que os outros, imigrantes de luxo, novos ricos sem gosto.
Quero que saibas que sou o teu CD mais dedicado. Que uma noite sem ti, são muitos meses. Que um dia sem ti, são muitos anos."